Copacabana Runners

Toxina botulínica tipo A - BOTOX®

Toxina botulínica tipo A (cujo cosmético mais famoso é o BOTOX ® da Allergan) é um complexo de proteínas produzido pela bactéria Clostridium botulinum, a qual contém a mesma toxina que causa envenenamento alimentar. 

Quando usada para fins médicos, como uma forma injetável da toxina botulínica purificada, pequenas doses podem bloquear a liberação pelas células nervosas de um químico chamado acetilcolina, o qual sinaliza a contração muscular. Ao interferir seletivamente com a capacidade de contração dos músculos as linhas de expressão são suavizadas e, em muitos casos, ficam praticamente invisíveis em uma semana.

Aplicação da toxina botulínica tipo A é o procedimento cosmético de maior crescimento de acordo com a American Society for Aesthetic Plastic Surgery (ASAPS). BOTOX® é visto por alguns como a fonte da juventude definitiva.

BOTOX® foi primeiramente aprovado nos Estados Unidos em 1989 para tratar duas desordens nos olhos. Em Abril de 2002, o FDA (órgão americano que regula a aprovação de medicamentos), satisfeito com os estudos que indicavam que BOTOX® reduzia a severidade das rugas de expressão por até 120 dias, deu aprovação para seu uso para esta finalidade.

Caso você esteja considerando o uso cosmético do BOTOX® tome os seguintes cuidados:

  • Certifique-se que um médico qualificado realizará o procedimento.

  • Certifique-se que o médico é treinado e qualificado em cirurgia estética da pele da face.

  • Faça perguntas e informe-se sobre os riscos e benefícios envolvidos no procedimento.

  • Evite bebidas alcoólicas e fique na posição vertical por várias horas depois do procedimento.

  • Escolha instalações médicas que usam técnicas esterilizadas. O equipamento necessário deve estar disponível para responder a qualquer problema potencial.

Embora não haja possibilidade de contrair butolismo através de aplicação da toxina botulínica tipo A, ainda assim há alguns riscos associados ao procedimento. Se muita toxina for injetada, por exemplo, ou se for injetada na área errada da face, a pessoa pode acabar com a musculatura da pálpebra caída (pitose palpebral). Essa complicação em particular, que pode durar por semanas, foi observada em experimentos clínicos.

Outros efeitos colaterais às injeções são: dor de cabeça, infecção respiratória, síndrome da gripe e náusea. Outras reações adversas menos comuns incluem: dor na face, vermelhidão no local da injeção e fraqueza muscular. Essas reações geralmente são temporárias, mas podem durar por meses.

Ainda que os efeitos cosméticos da toxina botulínica tipo A não durem, as pessoas não se importam em repetir o procedimento a cada 4 ou 6 meses para manter uma aparência sem rugas. Afinal, combater os sinais do envelhecimento de uma forma não-invasiva é parte da fascinação pelo procedimento, adicionado ao fato que ele não deixa cicatrizes feias e requer pouco tempo de recuperação.

O FDA recomenda que  BOTOX® não seja injetado mais freqüentemente do que uma vez a cada três meses, e que a menor dose efetiva seja usada.




















Assine o nosso boletim e saiba quando forem publicados artigos
Seu e-mail aqui:

Oferecido por FeedBurner

comments powered by Disqus

Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Artigos relacionados:
Rugas
Hiperhidrose - excesso de suor e BOTOX®
Olheiras - Causas
Mesoterapia capilar, facial, estética
Bioplastia - plástica sem cortes, cirurgia estética, Enxaqueca - Tratamento
Enxaqueca com áurea
Enxaqueca - Sintomas, áurea, causas, tratamento
Enxaqueca - Sintomas, tratamento, remédios, causas e alimentação
Dor de cabeça - Cefaléia tensional
dor de cabeça
Maquiagem
Botulismo
Hiperidrose - Tratamentos para excesso de suor
Toxina botulínica para sudorese
Peeling de cristal para a pele bela
Plástica após o parto - Correção de mama, implante de silicone, abdominoplastia
Ritidoplastia
Tratamento facial - Opções de tratamentos faciais
Rejuvenescimento facial com Softlift®
Revolumerização facial - Rejuvenescimento do rosto
Rejuvenescimento facial

Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Tradução: © Helio Augusto Ferreira Fontes
Texto: U.S. Food and Drug Administration

VoltarVoltar a mulher corredora