Copacabana Runners

Diuréticos
Efeitos adversos e usos do diurético

Homem medindo sua pressão - NIDDK Image Gallery

O que são diuréticos?

Diurético é qualquer medicamento que eleva fortemente a taxa de excreção pela urina (diurese). Há várias categorias de diuréticos, sendo que todos elas elevam a eliminação de água do corpo, embora de formas diferentes.

Diuréticos de alça

Os diuréticos de alça são os que podem causar diurese substancial - até 20% da carga filtrada de sal e água. Diuréticos de alça, como furosemida, inibem a capacidade do corpo reabsorver o sódio nos rins, o que ocasiona retenção de água na urina. Outros diuréticos de alça incluem bumetamida, piretanida, ácido etacrínico.

Diuréticos tiazídicos

Diurético tiazídico, como hidroclorotiazida, atua no túbulo distal a nível do co-transportador sensível das tiazidas (TSC), que é um canal de simporte do cloreto de sódio.

Diuréticos poupadores do potássio

Esses são os diuréticos que não promovem a secreção de potássio pela urina. Desta forma, o potássio não é perdido tanto quanto com o uso de outros diuréticos. Essa categoria de diurético inclui espironolactona e amilorido.

Diuréticos osmóticos

Diuréticos osmóticos, como o manitol, criam pressão osmótica dentro do túbulo impedindo a água de ser reabsorvida passivamente e a fazendo ficar retina na urina.

Alto nível de glicose no sangue

Em certas condições, como diabetes mellitus, a concentração de glicose no sangue excede a capacidade de reabsorção dos rins. Quando isso acontece, há retenção osmótica de água na urina. O uso de alguns medicamentos, especialmente estimulantes, também pode elevar a quantidade de glicose no sangue e assim aumentar a urinação.

Diuréticos fitoterápicos

Há alguns fitoterápicos utilizados como diuréticos, dentre os quais destacam-se a cavalinha e borragem

Usos do diurético

Na medicina os diuréticos são usados para tratar insuficiência cardíaca, cirrose do fígado, hipertensão e algumas doenças dos rins. Alguns diuréticos, como acetazolamida, ajudam a tornar a urina mais alcalina e auxiliam a elevação da excreção de substâncias como aspirina em casos de overdose ou envenenamento.
A ação anti-hipertensão de alguns diuréticos, principalmente os de alça e tiazídicos, são independentes dos seus efeitos diuréticos. Diuréticos são muitas vezes usados sem orientação médica por pessoas com desordens alimentares, especialmente aqueles com bulimia, na tentativa de perder peso.

Efeitos adversos dos diuréticos

Os principais efeitos adversos dos diuréticos são hipovolemia (diminuição do volume de sangue), hipocalemia (nível de potássio sérico menor que 3,5 mmol/L), hiponatremia (baixa concentração de sódio no sangue), alcalose metabólica, acidose metabólica e hiperuricemia (altos níveis de ácido úrico no sangue). Cada um desses efeitos são riscos de certos tipos de diuréticos e presentes com sintomas diferentes.

Saiba mais:
LASIX ® - Diurético furosemida para edemas e hipertensão
Furosemida - Lasix ®
Gota - O que é essa doença, tratamento, causas, diagnóstico
Ácido úrico e gota
Hidroclorotiazida
Chá preto
Chá de hibisco
Chá branco
Chá verde na fitoterapia - Emagrecer, baixar colesterol e tratar câncer
Chá Verde - Benefícios à Saúde



Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Assine o nosso boletim e saiba quando forem publicados artigos
Seu e-mail aqui:

Oferecido por FeedBurner

comments powered by Disqus
Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Créditos:
Tradução: © 2008, Hélio Augusto Ferreira Fontes.
Este artigo está licenciado sob a GNU Free Documentation License (www.gnu.org/copyleft/fdl.html). Usa material do artigo da Wikipédia "Diuretic" (en.wikipedia.org/wiki/Diuretic).