Saiba porque é preciso manter o peso dentro da normalidade
Coma para viver e não viva para comer

Alimentos saudáveis - National Cancer Institute Image Gallery

A obesidade interfere na qualidade de vida e longevidade de modo significativo. Além de ser fator de risco para as doenças cardiovasculares é o principal fator no diabetes e determinante para a síndrome metabólica. Outras doenças como cálculos biliares, gota, insuficiência respiratória, tromboembolismo, insuficiencia cardíaca, hipertensão arterial, risco cirúrgico elevado, também estão associadas a ela.

O ideal seria que a obesidade fosse prevenida, porque é basicamente um problema de equilíbrio entre gasto calórico e ingestão, entretanto quando ela já se estabeleceu, resta tratá-la.

PUBLICIDADE

É importante esclarecer que o número de refeições diárias e suas quantidades, influenciam seu desenvolvimento. Longos períodos de jejum abaixam a glicemia, aumentam o apetite, além de aumentar a insulina que aje diretamente no cérebro provocando hiperfagia.

Entretanto, muitos gostam de ver o resultado rápido e resolvem tomar uma atitude drástica, fazer jejum... Só que os kilos adquiridos foram ao longo do tempo e o organismo não se adapta tão subitamente, e facilmente, retornam ao peso inicial.

Cuidado

No jejum total, a quantidade de glicose estocada nos músculos e fígado é suficiente por curtos períodos de tempo, depois os aminoácidos, provenientes da proteína muscular são utilizados como energia.

Em jejum de 24h, um homem normal, deitado, usa 1800kcal, sendo 360 kcal de 75g de proteínas.

Com jejum total ,o paciente de 150 kg perde em média 500g por dia, nos primeiros dias. Mais de 10 kg podem vir de tecidos magros, 14 kg de água, e, aproximadamente 8 kg, ou seja, apenas 23% do peso total perdido, corresponde ao tecido gorduroso.

Podem ocorrer várias complicações como náusea, diarréia, vômitos, hipotensão, deficiências nutricionais, perda do apetite e morte súbita.

Saiba quantas calorias você precisa para viver

Para manter as atividades vitais como por exemplo: coração batendo, temperatura corporal e inúmeras outras funções o organismo gasta energia a qual é chamada de Metabolismo Basal.

Quando se pratica exercícios, leva-se um susto, fica-se doente, gasta-se mais energia, a qual acrescida do Metabolismo Basal, chama-se Taxa Metabólica.

Uma dieta para manter peso precisa suprir a taxa metabólica. Acima desse valor com certeza promoverá ganho de peso. Já, para perder peso é necessário aumentar a Taxa Metabólica através do incremento da atividade física e ou diminuir a ingestão de calorias.

PUBLICIDADE

Bom senso

A diminuição moderada na ingestão calórica pode ser conseguida sem grandes modificações na dieta, simplesmente diminuindo o tamanho das porções, reduzindo a ingestão de alimentos muito calóricos e os petiscos entre as refeições.Com essa atitude é possível conseguir reduções de 200 a 500 kcal por dia . A grande vantagem é que adquirindo novo padrão alimentar associado a alguma atividade física, a perda de peso é lenta, mas permanente, além de que há transformação na composição corporal e muito mais gordura é perdida, sendo que a massa magra (músculo) pode, até mesmo aumentar.

Em nossa experiência, na clínica Check-up MED, especializada em check-ups, com mais de 12 anos de atividade, identificamos que o motivo pelo qual a maioria dos indivíduos dizem que não conseguem emagrecer, é que um programa para perder peso deve ser dinâmico, isto é, deve ser continuamente adaptado às transformações corporais. Tanto a dieta quanto a atividade física precisam ser periodicamente recalculadas para que o processo não se interrompa.

A taxa metabólica de um indivíduo quando pesa 100 quilos é maior do que quando ele já emagreceu, 1 quilo que seja. Por isso, a ingestão calórica deve ser progressivamente menor, até o ponto de equilíbrio, quando deve ser estabelecido um programa de manutenção. O ideal é escolher os alimentos certos, pouco calóricos e muito nutritivos. Mais de 5 porções diárias de verduras, legumes e frutas. Fracionar as refeições, não fazer longos períodos de jejum. 

Convidamos o leitor a calcular sua taxa metabólica, seu peso ideal, fazer seu check up virtual e obter mais informação sobre saúde pelo site www.amato.com.br. Saber como manter o equilíbrio corpóreo ajuda, também, a manter o equilíbrio na vida.

Saiba mais:
Como Manter o Emagrecimento
Alimentação Saudável - Que alimentos comer, ideias para emagrecer
Peso Saudável
Emagrecer é diferente de perder peso
Dietas saudáveis
Dietas Equilibradas
Regime alimentar para emagrecer - Regimes de emagrecimento populares
Hábitos Saudáveis de Vida
Alimentação para emagrecer com saúde
Como emagrecer com saúde - Remédio, ervas, alimentação
Dicas simples para ajudar a emagrecer
Plano para emagrecer
Como Perder Peso


PUBLICIDADE


Créditos
Prof. Dra. Marisa Campos Moraes Amato
Livre Docente de Cardiologia da USP



Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar: