Treino Fartlek

Pergunta: O que é o treino Fartlek?

Corredor - CDC/ Amanda Mills

Resposta do treinador Nilson Duarte Monteiro

Antes de tudo, devemos saber como e quem criou esse método de treinamento.

Nos anos 20 um sueco de nome Gösta Olander observou que em seu país e nos visinhos, como Finlândia e outros, as temperaturas no inverno eram implacáveis. Dada às semelhanças desses países e climas, Gösta, em plena natureza, soube projetar o método finlandês de treino com uma nova psicologia, despojando-o da austeridade e dos grandes rigores que caracterizavam o método do país vizinho.

O método fartlek é caracterizado pela sua realização, em ambientes bucólicos e felicidade em realiza-los, pois não se prende a nenhuma rigidez de distâncias, dando liberdade ao atleta de realizar o treinamento com corridas rápidas e de enrijecimento. Assim, nem o mais irredutível sedentário pode deixar de observar ou querer fazer esse método de treino, dado a sua liberdade de movimentos. No meu humilde entendimento o método do sueco Gösta consiste em passeios, corridas lentas pelos campos e sprints muito rápidos e breves, onde o atleta desenvolve suas habilidades, como a velocidade e a resistência.

PUBLICIDADE

Quando eu era técnico, saia com meus atletas pelas estradas de terra, veredas, morros e etc, acompanhado-os de bicicleta e munido com uma bola de tênis. Saiam em corrida lenta por 5 a 10 minutos, depois paravam e faziam o aquecimento muscular, alongamentos básicos. Depois corriam cerca de 10 minutos em marcha lenta, aí 5 minutos de marcha rápida, trotavam por cerca de 10 minutos, quando eles estavam bem a vontade um brincando com o outro correndo e conversando, eu pegava a bola de tênis e jogava bem longe e mandava-os pegá-la, aquele que conseguia pegar ficava livre do castigo, mandava-os realizarem um exercício qualquer que eu improvisava. 

Após o castigo, mais uma corrida de 3 a 5 minutos leves e outra corrida atrás da bola, mais um castigo, nova corrida lenta, quando avistávamos uma colina, mandava-os subir até o seu topo no ritmo mais forte que pudessem agüentar, mais 10 minutos de caminhada rápida quase chegando a uma marcha atlética, mais 10 minutos de corrida lenta. Quando encontrávamos um cachorro, aí era a festa, atiçavam o bicho para que este corresse atrás deles, ou corriam atrás do animal, tanto faz, era um jogo de velocidade. A duração dessa brincadeira chegava há 2 horas.

Como vocês viram, o fartlek é um jogo de corridas, mas sem se prender a nenhum plano pré-estabelecido, dando liberdade ao atleta de correr despreocupadamente, dando prazer dele realizar o treino.

Muitos técnicos, ainda, confundem fartlek com interval training, acham que o fartlek é um interval training realizado em estrada, com distâncias pré-estabelecidas e repetições também. Tradução de fartlek: liberdade e prazer em correr.

É isso que eu penso do fartlek, um método que trabalha todas as variantes da corrida.

Bons treinos.
Nilson Duarte Monteiro - e-mail: nilsondm@uol.com.br 


Resposta do Professor Carlos Gomes Ventura

Fartlek é uma prática de treinamento discutida e aplicada de diversas maneiras, é um trabalho de resistência em esforço intenso e fraco com alterações no ritmo de corrida. Podendo se correr em bosques, trilhas, estradas e terrenos variados.

PUBLICIDADE

O termo fartlek, significa correr brincando na verdade é executado com variações na corrida. Este treino oferece condições para que o atleta no decorrer de uma competição tenha reservas para os esforços exigidos.

Eu particularmente estabeleci uma norma dividindo este tipo de trabalho em dois tipos de execução: O curto e o longo. No trabalho curto, correr cada quilometro entre 4 e 4,30 minutos durante 5 quilômetros e alternar com corridas rápidas entre 30 e 60 metros a cada 200 metros, esses treinos podem variar nessas distâncias num percurso de 10 a 12 quilômetros.

No trabalho longo, iniciar entre 4 e 4,30 por quilometro durante 5 quilômetros e depois corridas rápidas de 150 a 200 metros, variando com corridas lentas de 400 a 500 metros em um percurso de 14 a 18 quilômetros.

Este tipo de trabalho deve ser feito por atletas bem condicionados, ao iniciante é aconselhável rodar muito para formar uma base para pirâmide (LSD = distância longa e lenta).

O criador deste trabalho foi Gosta Holmer, técnico de Atletismo da Suécia em 1948.

Carlos Gomes Ventura
Telefone: (11)3686-5384 - blog: carlosventura8085.blogspot.com - e-mail: cgventura@uol.com.br

Livro
Manual do Corredor - A Grande Pirâmide

Manual do corredor - Carlos Ventura - clique aquiCarlos Ventura é um dos treinadores brasileiros de maior sucesso. Em seu novo livro, Carlão responde às indagações mais comuns entre nós corredores. A sabedoria de décadas de experiência do Carlão são passadas de forma simples e clara para corredores de todos os níveis de performance.
Saiba mais sobre o livro...


Resposta do Professor Luis Tavares

O Fartlek foi desenvolvido em 1930 e vem do sueco “jogo de corrida”. É um dos métodos aplicados em treinamento mais importante , pois desenvolve o aerobio e o anaerobio no mesmo treino, pois se trabalha muito com variação de velocidade e ritmo além de um efeito psicológico benéfico pois é muito motivante e gostoso de realizar. 

A grande vantagem do fartlek é que propicia liberdade desse trabalho, pois não requer que seja realizada em locais demarcados como pista de atletismo e sim na praia, bosques, trilhas.

Existem uma gama muito grande de variação do trabalho: Pode:se realizar por exemplo 5´x 5´= 40 min, ou seja correr 5 minutos forte com 5 minutos leve, intercalando até completar 40 minutos; ou 3´x 1´= 30 mins corre 3 minutos forte com 1 minuto leve até completar 30 minutos; ou em terrenos com aclives e declives trabalhar forte na subida e fraco na descida.

Como se vê, há muitas variações de trabalho que pode ser desenvolvido em fartlek, sendo realizado de acordo com o objetivo e metas pretendidas (maratona, provas curtas, etc).

Professor Luis Tavares
Telefone: (11)3159-8456 - e-mail: e.c.tavares@uol.com.br 
site: http://www.ectavares.com.br

Saiba mais:
O que são treinos intervalados
Tiros de até 200 metros podem entrar no treinamento do corredor de longa distância?
Melhorando a velocidade de fundistas
Velocidade no limiar de lactato
Treinos de velocidade para corredores amadores
VO2 máximo, Limiar Anaeróbico, Ácido láctico ou lático
Estratégias para treinos fortes seguidos
Correr na rua com segurança - O Jogo de Velocidade
Treino de velocidade não precisa ser na pista
Força a resistência e a velocidade são capacidades motoras fundamentais para corredores e não corredores
Existe um método ideal de treinamento para corredores de fundo?
Dicas para quem vai participar pela primeira vez de uma corrida cross country
O que é limiar de lactato e qual a sua importância para o atleta de fundo?


PUBLICIDADE


Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

VoltarVoltar