Tênis Minimalista - Vantagens e desvantagens

Pergunta: Quais as vantagens e desvantagens dos tênis minimalista?

Colocando o tênis de corrida - CDC/ Amanda Mills

Resposta do Professor Carlos Gomes Ventura

O tênis minimalista oferece ao atleta um contato rápido com o solo e um desempenho de corrida mais rápido.

O atleta que use o tênis minimalista, poderá ter alguma vantagem em provas mais rápidas de rua, pois sua conformação levíssima sugere ao corredor estar efetuando uma corrida com se quase descalço, acredito que para seu uso mais adequado corredores mais leves poderão obter alguma vantagem em distancias médias.

PUBLICIDADE

Para o uso deste tênis de corrida é fundamental também que a mecânica de corrida do corredor seja adequada aproveitando o rolamento, planta-ponta, entretanto seu uso diariamente nos treinos como longões por exemplo, poderá ter ao longo do tempo problemas localizados nos membros inferiores e quadris.

Usa-lo adequadamente, seria interessante apenas nas competições de rua onde o piso possa promover um toque rápido e corridas menos prolongadas logicamente um piso sem buracos, pedras, problemas na região do calcâneo, podem surgir. Esse tênis é ideal para competições rápidas mas não creio ideal para treinos.

Carlos Gomes Ventura (Carlão) blog, Telefone: (11)3686-5384, e-mail

Livro
Manual do Corredor - A Grande Pirâmide

Manual do corredor - Carlos Ventura - clique aquiCarlos Ventura é um dos treinadores brasileiros de maior sucesso. Em seu novo livro, Carlão responde às indagações mais comuns entre nós corredores. A sabedoria de décadas de experiência do Carlão são passadas de forma simples e clara para corredores de todos os níveis de performance.
Saiba mais sobre o livro...

PUBLICIDADE

Resposta do treinador Nilson Duarte Monteiro

Vamos às vantagens do tênis minimalista:

1 - Correr na grama ou na praia;

Correr na grama ou na praia com tênis minimalista é o meu sonho de consumo, pois na minha época de atleta eu corria nesses pisos de meia. Correr com tênis minimalista nesses pisos evita acidentes, tais como pisar num caco de vidro, num espinho, etc.

As desvantagens do tênis minimalista:

1 - Todo mundo sabe que a corrida é um esporte de impacto, principalmente para a coluna vertebral, porque são poucos os atletas, ou melhor, a grande maioria dos atletas profissionais sabem correr corretamente, ou seja, pisar corretamente evitando um maior impacto à coluna. A grande maioria dos corredores amadores não são devidamente orientados quanto a pisada, a biomecânica da corrida. Muitos, estou dizendo, técnicos e professores de academia, sempre dizem; " o cara deve correr da forma mais confortável que ele está adaptado". Poxa, quando cara começa na corrida ele não tem um forma pré-definida, ele está começando, aí é que entra os instrutores para condicioná-lo a correr de forma correta, mas... Assim, a maioria dos corredores amadores correm de forma errada e o tênis minimalista não é uma boa pedida, pois não tem amortecimento.

Muitos dirão, "ah, criança corre descalça e não tem problema!" Só que a criança tá no começo da vida e não corre 10, 20 ou 30km por dia, elas só dão um piquezinho atrás de um colega, etc.

Resposta do Professor Luis Tavares

Estou testando o tênis minimalista e estou gostando a explicação é o seguinte:

Com as evoluções tecnológicas dos tênis atuais, com sistema de amortecimento cada vez mais aprimorado, a musculatura do seu pé passa a ser menos exigido na corrida, pelo conforto e amortecimento e a biomecânica da corrida é logicamente com a batida do seu calcanhar e depois o resto da planta do pé.

Porém devido ao tênis com essa tecnologia, proporciona chances de lesões com mais facilmente, pela falta de tônus muscular na região do pé como entorse ou tendinite.

Já o tênis minimalista, é como se corresse descalço, exigindo um desenvolvimento da musculatura do seu pé, e com esse tênis se muda também a biomecânica da corrida, batendo a planta do pé primeiramente e não calcanhar, dessa forma passa a exigir demais a musculatura posterior e o do pé, evitando dessa forma lesões mais comuns.

Acontece que mudando a biomecânica da pisada, tem que ser feito de forma lenta e progressiva para adaptação.

Eu por exemplo tenho uma tendinite crônica no tendão de Aquiles há 15 anos, e há dois meses tenho usado esse tênis e tenho sentido melhoras na lesão e possibilitando aumentar minhas quilometragens sem riscos de machucar.

Ou seja aconselho usar esse tênis aos poucos como 30 mins, depois 45 mins e assim vai e procure intercalar um dia com tênis normal e outro dia com esse tênis para deixar a musculatura bem alinhada e fortalecida.

Professor Luis Tavares
Telefone: (11)3159-8456 - e-mail: e.c.tavares@uol.com.br - site: http://www.ectavares.com.br

Saiba mais:
Reduzir impacto para prevenir lesões
Correr descalço não garante vida esportiva mais longa
Há benefícios em correr descalço?
Tênis de Corrida, como escolher
Dicas sobre tênis de corrida
Tênis de Corrida, durabilidade
Categorias dos tênis de corrida
Palmilhas de amortecimento para o corredor?
Técnica de corrida vale mais que a genética


PUBLICIDADE


Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

VoltarVoltar