Copacabana Runners

Período fértil e ciclo menstrual
Cálculo do período fértil pela tabelinha, temperatura basal e muco cervical

Ovário - Women's Health

O que é ciclo menstrual

O ciclo menstrual é o processo mensal no qual o corpo da mulher se prepara para a possibilidade de engravidar durante o seu período fértil. O ciclo menstrual tem em média 28 dias, porém pode variar de 21 a 35 dias.

No começo do ciclo menstrual os níveis de estrogênio aumentam, fazendo com que o revestimento do útero cresça e engrosse. Um ovo começa a ficar maduro em um dos ovários. Por volta do meio do ciclo menstrual o ovo deixa o ovário em um processo chamado ovulação, onde começa o período fértil. O ovo começa a viajar pelos tubos de falópio até o útero. Se o ovo for fertilizado por esperma e se ligar ao útero, a mulher engravida. Caso contrário, o útero não precisará do revestimento extra e começa a se livrar dele. Esse processo, no qual o revestimento extra do útero é eliminado pela vagina, chama-se menstruação.

Fases do ciclo menstrual

Fase 1 do ciclo menstrual - Menstruação – Dias 1 a 7
A superfície do endométrio (mucosa que reveste o útero) quebra-se em um fluido sangrento. Esse fluido sai do útero através do cerviz e deixa o corpo através da vagina. Uma menstruação normal dura de 3 a 7 dias.

Fase 2 do ciclo menstrual – Fase Folicular - Ovo prepara-se para deixar o ovário – Dias 6 a 12 (ou mais)
A glândula pituitária sinaliza aos ovários que liberem estrogênio e progesterona, os hormônios responsáveis pelo ciclo menstrual. O hormônio estrogênio faz com que o endométrio engrosse e fique pronto para alimentar e proteger um futuro embrião caso ocorra gravidez. O hormônio progesterona mantém o revestimento até que a mulher esteja grávida e durante a gravidez, ou até que a menstruação comece. 

Fase 3 do ciclo menstrual – Ovulação ou período fértil – Dias 13-15
A glândula pituitária sinaliza para liberação do hormônio folículo-estimulante e do hormônio luteinizante. O hormônio folículo-estimulante faz com que o ovo se desenvola no ovário. O hormônio luteinizante causa a liberação de um ovo maduro (ou mais), o qual entra no tubo de falópio e pode ser fecundado.

Fase 4 do ciclo menstrual – Revestimento continua a engrossar – Depois da ovulação
O ovo viaja pelo tubo de falópio até o útero. Se o ovo não for fertilizado por esperma ou não se implantar, a superfície do endométrio não será mais necessária e então começa a ser eliminada. O ciclo menstrual é então completado e a menstruação começa de novo.

Cálculo do período fértil

Saber quando a mulher está no período fértil a ajuda a planejar ou prevenir a gravidez. Existem três formas de encontrar o período fértil: método da temperatura basal, método da tabelinha e método do muco cervical.

Cálculo do período fértil pelo método da tabelinha

O método da tabelinha envolve manter um registro escrito de cada ciclo menstrual. O primeiro dia do ciclo menstrual é o Dia 1. Marque o Dia 1 no calendário. Faça isso por 8 a 12 meses de modo que possa verificar quantos dias tem seu ciclo menstrual. A duração do ciclo menstrual pode variar de mês a mês. Então, para o método da tabelinha, escreva a duração de cada ciclo menstrual. 

Para cálculo do período fértil pelo método da tabelinha veja nas anotações qual foi a duração do menor ciclo menstrual e então subtraia 18 desse número. Esse é o primeiro dia no qual o período fértil pode ter começado. Para estimar o último dia do período fértil subtraia 11 dias da duração do período fértil mais longo. A precisão do método da tabelinha para cálculo do período fértil pode não ser grande, especialmente em mulheres com ciclos menstruais irregulares.

Cálculo do período fértil pela temperatura basal

A temperatura basal é aquela quando a pessoa está em descanso assim que acorda de manhã. A temperatura basal da mulher se eleva ligeiramente com a ovulação. Então, registrar essa temperatura diariamente por vários meses pode capacitar a pessoa a prever o período fértil.

Temperatura basal varia ligeiramente de mulher para mulher. Variações entre 35,5 e 36,5 graus oralmente é a média antes da ovulação e período fértil. Depois da ovulação a maioria das mulheres tem a temperatura basal oral entre 36 e 37 graus. Essa elevação na temperatura pode ser súbita ou gradual por alguns dias. Geralmente a temperatura basal da mulher sobe somente 0,2 a 0,4 graus. Para detectar essa pequena mudança a mulher deve ter um termômetro especial para temperatura basal, o qual é bastante sensível. 

A elevação na temperatura basal não mostra exatamente quando o ovo é liberado e começa o período fértil. Porém, quase todas as mulheres ovulam em três dias após a elevação na temperatura, a qual permanece mais elevada até o começo da menstruação. 

O esperma pode viver até 3 dias no corpo da mulher e pode fertilizar o ovo a qualquer ponto neste período de tempo. Então, se a mulher tiver relação sexual sem proteção até 3 dias antes da ovulação ela pode engravidar.

Muitos fatores podem afetam a temperatura basal, com beber álcool na noite anterior, fumar na noite anterior, dormir mal e ter febre. Fazer qualquer coisa antes de tirar a temperatura basal, como ir ao banheiro e falar ao telefone, pode a elevar. Desta forma, para maior acuidade, tirar a temperatura basal deve ser a primeira coisa a fazer ao acordar, de preferência mais ou menos no mesmo horário todos os dias.

Cálculo do período fértil pelo método do muco cervical

Esse método para cálculo do período fértil envolve ficar ciente das alterações no muco cervical durante o ciclo menstrual. Os hormônios que controlam o ciclo menstrual também mudam a tipo e quantidade de muco que a mulher tem antes e durante a ovulação. Logo depois da menstruação geralmente existem poucos dias nos quais não há muco presente. À medida que o ovo começa a amadurecer, o muco aumenta na vagina, aparece na saída dela, e é branco ou amarelo, turvo e pegajoso. A maior quantidade de muco ocorre logo antes da ovulação. Durante esses dias o muco fica claro e escorregadio, como a clara de ovo cru. Nessa época é o período mais fértil.

Em torno de 4 dias depois o muco muda novamente com menos quantidade e ficando turvo novamente. A mulher pode ter mais alguns dias sem muco antes da nova menstruação. Esse método não é para mulheres amamentando, tomando anticoncepcionais hormonais (como a pílula), usando produtos de higiene feminina, com vaginite ou outras doenças sexualmente transmissíveis, ou que passaram por cirurgia no cérvix.

Saiba mais:
Período infértil
Inseminação Artificial
Fertilização in vitro - Bebê de proveta
Fertilidade Feminina
Fertilidade e infertilidade - Tratamentos e causas
Tratamento da infertilidade - Reprodução assistida, testes, remédios e cirurgia
Endometriose - O que é, sintomas
Endometriose - Gravidez, tratamento, tem cura?
Infertilidade feminina - Causas, diagnóstico e tratamento
Infertilidade
Muco cervical - Método anticoncepcional de Billings
Tabelinha período fértil - Calculadora da ovulação e dias férteis
Causas na gravidez, menopausa, tratamento, anticoncepcional
Primeira menstruação ou menarca - Sintomas, idade
Ciclo menstrual, menstruação irregular e período fértil
Tabelinha - Método anticoncepcional ou para engravidar
Zinco e Fertilidade
Calculadora da Ovulação e Tabela dos Dias Férteis
Período fértil feminino para engravidar - Como saber e calcular
Temperatura basal - Método para engravidar
Como engravidar
Dicas para engravidar
Teste de gravidez - sobre os testes
Dieta da Fertilidade
Corrimento vaginal - Vaginite



Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


comments powered by Disqus

Assine o nosso boletim e saiba quando forem publicados artigos
Seu e-mail aqui:

Oferecido por FeedBurner

Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Créditos:
Tradução:© 2008, Hélio Augusto Ferreira Fontes
Texto: National Institute of Child Health and Human Development, 4Parents.gov e Womenshealth.gov


VoltarVoltar a mulher corredora