Copacabana Runners

Quadrantectomia e mastectomia - Cirurgias para câncer de mama

A mulher em estágio precoce de câncer de mama pode ser capaz de escolher que tipo de cirurgia fazer. Freqüentemente essa escolha é entre a quadrantectomia, cirurgia que remove o câncer mas deixa a maior parte da mama, e mastectomia, a qual remove toda a mama.

Pesquisas mostram que mulheres com estágio inicial de câncer de mama que passam por quadrantectomia em conjunto com radioterapia costuma viver tanto quanto as que fazem mastectomia A maioria das mulheres com câncer de mama terá vida longa e saudável depois do tratamento.

O tratamento para câncer de mama geralmente começa poucas semanas depois do diagnóstico. Nessas semanas a mulher deve se encontrar com o cirurgião, aprender fatos sobre as opções de cirurgias para câncer de mama, e pensar sobre o que é importante para ela. Após isso, a mulher poderá escolher qual tipo de cirurgia fazer.

Quadrantectomia - Cirurgia para câncer de mama

Na quadrantectomia o cirurgião remove somente o câncer e algum tecido normal ao redor dele. Esse tipo de cirurgia mantém a mama muito parecida como estava antes. Depois da quadrantectomia a maioria das mulheres também passa por radioterapia. Esse tipo de tratamento é muito importante porque pode impedir o câncer de retornar na mesma mama. Algumas mulheres também precisarão de quimioterapia e terapia hormonal.

Mastectomia - Cirurgia para câncer de mama

Na mastectomia o cirurgião remove toda a mama. Algumas vezes a mulher também precisará de radioterapia, quimioterapia, terapia hormonal, o todos esses três tipos de terapias. 

Alguns tipos de mastectomia:
* Mastectomia total. O cirurgião remove toda a mama e algumas vezes também os gânglios linfáticos sob o braço.
* Mastectomia radical modificada. O cirurgião remover toda a mama, muitos dos gânglios linfáticos sob o braço, a revestimento do músculos do peito, e talvez um pequeno músculo peitoral.
* Mastectomia dupla. O cirurgião remover ambas as mamas ao mesmo tempo, mesmo se o câncer estiver apenas em uma delas. Essa cirurgia é rara e mais usada quando o cirurgião sente que há alto risco da mama que está saudável ter câncer.

Saiba mais:
Mastalgia - Dor nos Seios
Mamografia - o que é, informações sobre mamografias
Cirurgia de reconstrução de mama - Reconstrução mamária com implante e com expansor de tecidos
Câncer de mama - Fatores de risco
Câncer de Mama - diagnóstico e tratamento
Metástase - O que é câncer metastático e tratamento
Luta contra o Câncer - Alimentação e hábitos alimentares
Dicas para evitar o câncer
Histerectomia total, parcial e radical
Check-up médico para a mulher
Linfoma não-Hodgkin - Tratamento
Linfoma não-Hodgkin - Sintomas, diagnóstico e tipos
Linfoma não-Hodgkin - O que é, sistema linfático, fatores de risco
Linfonodos sentinelas e axilares



Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Assine o nosso boletim e saiba quando forem publicados artigos
Seu e-mail aqui:

Oferecido por FeedBurner

comments powered by Disqus
Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Créditos:
Tradução: © 2009 Helio Augusto F. Fontes
Texto: National Cancer Institute - Comprehensive Cancer Information