Copacabana Runners

Quinoa - a Semente da Hora!

A quinoa é originária da região dos Andes. Há registros de que os Incas a utilizavam antes da descoberta da América. O declínio do seu cultivo coincide com o início da colonização espanhola, quando a cevada foi inserida na alimentação. Esse período marca também, a queda na qualidade da dieta alimentar da população local, explicada pelo maior valor protéico da quinoa, em relação à cevada.

A quinoa (Chenopodium quinoa) é da família do espinafre. Na alimentação humana e animal podem ser aproveitados tanto os grãos como toda planta. Considerada um pseudo-cereal, possui valor biológico de proteína comparável ao da caseína do leite. (ABr)

INTERESSANTE PARA ESPORTISTAS, ALÉRGICOS AO GLÚTEN OU AMANTES DE UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

A quinoa é um alimento de alto valor nutricional devido aos aminoácidos essenciais presentes. Os aminoácidos essenciais são aqueles que nosso corpo não produz e por isso devem vir da alimentação. As principais fontes desses aminoácidos são alimentos de origem animal, daí as proteínas animais serem consideradas proteínas completas e de alto valor biológico. Ao optar por fontes proteicas de origem vegetal e de alto valor biológico como a quinoa, a soja, existe a vantagem de não aumentarmos a ingestão de gorduras saturadas e colesterol, presentes nas fontes animais e relacionadas ao desenvolvimento das doenças cardiovasculares.

A quinoa é interessante para esportistas pelo alto teor de carboidratos (amido), principal substrato energético utilizado na prática esportiva, e também pelos aminoácidos essenciais que são importantes para o sistema imunológico, formação de músculos e recomposição de fibras musculares rompidas durante os exercícios. Além disso, pode ser considerada boa fonte dos seguintes minerais: 

* MAGNÉSIO - participa da produção de energia, da contração muscular, da manutenção da função cardíaca normal e da transmissão dos impulsos nervosos.

* POTÁSSIO - importante no controle da pressão arterial, nas contrações musculares, na saúde das artérias e na manutenção dos líquidos celulares.

* ZINCO - aumenta a ação de enzimas que combatem os radicais livres, fortalece o sistema imunológico, retarda o envelhecimento e favorece o crescimento e fortalecimento dos cabelos.

* MANGANÊS - importante para a saúde dos tendões e ossos. 

E fornece também as seguintes Vitaminas:

* TIAMINA - atua na produção de energia, no metabolismo de carboidratos, gorduras e proteínas. Favorece a absorção de oxigênio pelo cérebro e auxilia o funcionamento do Sistema Nervoso. Possui papel importante nas funções relacionadas com memória e cognição. É também indicada no tratamento da TPM (cólicas e dores nas mamas).

* RIBOFLAVINA - importante para a integridade dos tecidos e protege contra lesões oxidativas.

* NIACINA - atua na obtenção de energia e no metabolismo das proteínas, gorduras e carboidratos. Aumenta a habilidade dos glóbulos vermelhos de carrear oxigênio.

* ÁCIDO PANTOTÊNICO - essencial na produção de energia pelas células

* ALFA-TOCOFEROL (Vitamina E) - tem ação antioxidante e interrompe as reações em cadeia dos radicais livres que danificam as células. Atua na manutenção do tecido epitelial e previne danos nas membranas celulares.

A quinoa sozinha não promove milagres, mas fazendo parte de um plano alimentar equilibrado pode, por exemplo, auxiliar vegetarianos restritos atingirem suas necessidades proteicas diárias. Entretanto, a quinoa não é fonte de Vitamina B12 e ferro heme (melhor absorvido pelo nosso organismo), cujas principais fontes são os alimentos de origem animal. A carência de B12 e Ferro causam anemia.

Outra vantagem da quinoa é que ela é isenta de glúten e pode ser consumida pelos portadores de doença celíaca. Os celíacos tem intolerância a alimentos elaborados à base de trigo, amido de trigo, centeio, cevada, triticale e aveia. Ao consumirem esses alimentos são acometidos de forte diarréia que pode levar a uma desnutrição generalizada. A quinoa é uma alternativa para os celíacos.

COMPOSIÇÃO NUTRICIONAL DE 100 g DE QUINOA CRUA:

Calorias - 374 kcal 
Proteínas - 13,10 g 
Gordura - 5,80 g
Carboidratos - 68,90 g
Fibras - 5,9 g 
Cálcio - 60 mg
Ferro - 9,25 mg
Magnésio - 210 mg
Fósforo - 410 mg 
Potássio - 740 mg 
Sódio - 21 mg 
Zinco - 3,30 mg 
Cobre - 0,820 mg 
Manganês - 2,26 mg 
Vit. B1 (Tiamina) - 0,198 mg 
Vit. B2 (Riboflavina) - 0,396 mg 
Vit. B3 (Niacina) - 2,93 mg 
Ácido Pantotênico - 1,047 mg
Alfa - tocoferol (Vit. E) - 2,6 mg

Obs.: Apesar de ser uma fonte considerável de Ferro, este é na forma NÃO HEME, ou seja, tem baixa biodisponibilidade e é pouco aproveitado pelo nosso organismo.




comments powered by Disqus

Assine o nosso boletim e saiba quando forem publicados artigos
Seu e-mail aqui:

Oferecido por FeedBurner

Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Referências Bibliográficas
1. Correio Braziliense, 24 de junho de 2002. Sementes Poderosas
2. Jornal da Unicamp – Fevereiro de 2000. Contém Quinoa.
3. Agência Brasil – Ciência Tecnologia & Meio Ambiente. Embrapa pesquisa cultivo de Quinoa no Cerrado
4. FARFAN, J. A. – Grãos sem Glúten. Disponível em: http://geocities.yahoo.com.br/mi_david2001/depoimentos.html (acessado em 28/02/2005)


Artigos relacionados:
Leite, aminoácidos, gorduras saturadas e colesterol, carboidratos, sistema imunológico, fibras musculares 
Radicais livres,
Anemia Ferropriva - O que é
Anemia Ferropriva - Causas
Anemia Ferropriva - Sintomas e sinais
Anemia Ferropriva - Tratamento
Anemia ferropriva na infância
Anemia Ferropriva - Diagnóstico
Anemia perniciosa ou megaloblástica - Deficiência de vitamina B12
Anemia perniciosa - Causas
Anemia perniciosa - Sintomas e sinais
Anemia perniciosa - Tratamento e prevenção
Anemia perniciosa - Diagnóstico e hemograma
Anemia falciforme - O que é, causas e cura
Anemia falciforme - Sintomas e complicações
Anemia falciforme - Diagnóstico, tratamento, alimentação
Ferritina alta e baixa
Anemia - O que é, sinais, sintomas e complicações
Anemia na gravidez
Causas da anemia e fatores de risco
LDH - Exame de lactato desidrogenase
Diagnóstico da Anemia
Tratamento da anemia e prevenção
Esferocitose hereditária
Anemia Falciforme
anemia, glúten, aveia, Dor de Barriga
Soro Caseiro
Diarréia em crianças e bebês
Diarréia crônica
diarréia, desnutrição
Cálcio
Magnésio
Leucemia linfóide aguda em crianças - Tratamento
Leucemia linfóide aguda em crianças
Leucemia mielóide aguda
Causas da leucemia e fatores de risco
Sintomas da leucemia e diagnóstico
Tratamento para leucemia
Leucemia - O que é, tipos
Leucócitos e Leucopenia
Hemograma - Decifrando o exame de sangue
Distrofia Muscular
Arroz Integral
Soja e seus derivados
Quinua
Receita de Macarrão de Quinua com Tomates Frecos
Ração Humana para emagrecer - Receita, onde comprar
Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Créditos:
Por Drª Marília Fernandes, nutricionista - CRN3/1693
Drª Marília Fernandes elabora Planos Alimentares Personalizados. Para contratar seus serviços de consultoria nutricional entre em contato através do e-mail mariliac_fernandes@hotmail.com

Nutricionista - CRN3/1693 
Especialista em Nutrição Esportiva pelo CEMAFE/UNIFESP
Especialista em Nutrição em Saúde Pública pela UNIFESP
19 anos de experiência em Nutrição e Alimentação
Consultora Nutricional Pessoal e de Empresas nas áreas de Educação Alimentar, Qualidade de Vida e Bem Estar, Nutracêutica, Estética, Longevidade Saudável, Esportes, Marketing Alimentício e Saúde Ocupacional.