Copacabana Runners

Quinua - o alimento do momento

O que é Quinua?

Quinua é uma planta da família do espinafre, originária da região dos Andes, utilizada pelos Incas antes da chegada dos colonizadores. A quinua tem alto valor nutritivo, sendo rica em aminoácidos e carboidratos, além de conter fibras, sais minerais (cálcio, ferro, magnésio, fósforo, potássio, sódio, zinco, cobre e manganês) e vitaminas (B1, B2, B3, E). Além disso, a quinua contém ácidos graxos ômega 3, benéficos para o coração.

Quinua pela nutricionista Roseli Rossi

A saúde está no prato que come! Essa frase define a necessidade que o corpo humano tem em consumir alimentos para auxiliar no desenvolvimento e manutenção de todas as células do organismo, a falta de um nutriente pode comprometer a vitalidade. Hoje, um alimento completo e muito festejado pelos nutricionistas, é o grão de quinua.

Fonte de proteína, carboidrato de baixo índice glicêmico, gordura saudável, vitaminas, minerais e aminoácidos, a quinua contêm todos os nutrientes essenciais. O grão tem uma ficha nutricional que serve de aliada a saúde. "A quinua é rica em ômega 3 e 6, gorduras do bem que impedem a deposição de gorduras maléficas nas artérias, ou seja, reduz o colesterol ruim (LDL)", alerta a nutricionista Roseli Rossi.

Outra característica importante é que cada grão tem 20 aminoácidos diferentes e entre eles a lisina, aminoácido que ajuda a fortalecer a imunidade e a melhorar a capacidade da memória. Já as proteínas, também contidas no cereal, podem auxiliar na elasticidade das fibras musculares e na recuperação de tecidos e células. "Os atletas encontram um valor protéico na quinua que pode ajudar na recuperação dos músculos. As mulheres também podem ser beneficiadas, pois o grão contém fitoestrógenos (hormônios vegetais) que amenizam os sintomas desagradáveis do período pré-menstrual e menopausa", comenta a nutricionista Roseli.

O cereal de valor nutritivo altíssimo, a quinua, descoberta pelos incas da Bolívia e do Peru há mais 500 anos, pode ser consumido por crianças, grávidas, lactantes, atletas, idosos, adultos e jovens, ou seja, não tem contra indicação. "O grão não contém glúten, pode ser consumido até mesmo por aqueles que têm intolerância a essa proteína", acrescenta Roseli.

Encontrada em diversas versões: grãos, flocos, farinha e até macarrão, a quinua pode ser explorada em várias receitas. No entanto, vale a criatividade para conciliar sabor a um "alimento completo". 

"Não podemos nos esquecer que todos os outros cereais tradicionais como o arroz, milho, trigo, aveia e outros são tão importantes nutricionalmente quanto a quinua. Portanto, não devem ser colocados de lado nas refeições", ressalta a nutricionista Roseli.




comments powered by Disqus

Assine o nosso boletim e saiba quando forem publicados artigos
Seu e-mail aqui:

Oferecido por FeedBurner

Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Para mais informações, leia o artigo Quinoa - a Semente da Hora!

Artigos relacionados:
Ácidos graxos - ômega 3 e ômega 6
Arginina, Lisina e Ornitina
Fibras musculares
Mulher na Menopausa: isoflavonas e nutrição
O que é menopausa
Receita de Macarrão de Quinua com Tomates Frecos
Ração Humana para emagrecer - Receita, onde comprar

Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Créditos:
Clínica Equilíbrio Nutricional
Nutricionista Roseli Rossi
Empresa: GREAT ASSESSORIA
Fone: (11) 5051-2400 
E-mail: priscila@greatassessoria.com.br
Fax: (11) 3384-0471
Contato: Priscila Rodrigues