Copacabana Runners

Tipos de obesidade
Obesidade mórbida e do tipo maçã e pêra

Pessoas caminhando - CDC

Os tipos de obesidade podem ser classificados em termos absolutos ou relativos. 

Na prática, os tipos de obesidade são avaliados em termos absolutos ao medir o IMC (índice de massa corporal), mas também pela distribuição da gordura através da medição da circunferência da cintura ou da taxa de cintura x quadril. 

Adicionalmente, a presença de obesidade deve levar em conta o contexto de outros fatores de risco para a saúde.

Tipos de obesidade pelo IMC

O IMC é um método simples amplamente usado para estimar a gordura corporal. Ele é calculado dividindo o peso da pessoa pela sua altura ao quadrado: IMC = peso / (altura)2. Então, uma pessoa com 80 kg e 1,70m teria IMC de 80 / (1,7)2 = 27,68. 

A classificação pelo IMC mais utilizada segue os seguintes valores:

Condição

IMC em adultos

abaixo do peso

abaixo de 18,5

no peso normal

entre 18,5 e 25

acima do peso

entre 25 e 30

obesidade

entre 30 e 40

obesidade mórbida

 acima de 40

A pessoa também pode ser classificada como tendo obesidade do tipo mórbida com um IMC maior que 35 e presença de um outro problema de saúde significativo (co-morbidade). A interpretação do IMC também pode levar em conta a etnia, massa muscular, idade, sexo e outros fatores. O IMC superestima o gordura corporal de pessoas musculosas e subestima a de indivíduos que perderam massa corporal como os idosos.

Circunferência da cintura e tipos de obesidade

O IMC não leva em conta as diferentes taxas de tecido adiposo e magro; nem distingue entre os diferentes tipos de adiposidade, alguns dos quais podem se correlacionar mais de perto com riscos cardiovasculares. 

Estudos têm mostrado que a gordura visceral ou obesidade central, popularmente conhecida como obesidade do tipo maçã, tem relação muito mais forte com doenças cardiovasculares. A obesidade do tipo maçã ocorre quando os principais depósitos de gordura corporal estão localizados ao redor do abdômen e na parte superior do corpo. 

Já na obesidade do tipo pêra a gordura corporal é mais armazenada nas coxas logo abaixo da superfície da pele e apresenta riscos menores à saúde. A circunferência absoluta da cintura (maior que 102 cm em homens e que 88 cm em mulheres) ou taxa de cintura x quadril (maior que 0,9 em homens e que 0,85 em mulheres) são métodos usados para medir a obesidade central, ou do tipo maçã.

Medição do percentual de gordura corporal

Outra forma de determinar a obesidade é medindo o percentual de gordura corporal. Geralmente é aceito que homens com mais de 25% e mulheres com mais de 30% de gordura corporal são obesos. Porém, é difícil medir a gordura corporal precisamente. O método mais aceito tem sido a medição do peso da pessoa sob a água, mas esse procedimento é limitado a laboratórios com equipamento especial. Dois métodos mais simples para medir o percentual de gordura corporal são a medição de dobras cutâneas e análise de impedância bioelétrica.

Fatores de risco e co-morbidades

A presença de fatores de risco e doenças associadas à obesidade também são usadas para estabelecer diagnostico clínico. Doença arterial coronariana, diabetes tipo 2 e apnéia do sono são fatores de risco que podem indicar tratamento clínico para obesidade. Tabagismo, hipertensão, idade e histórico familiar são outros fatores de risco que pode indicar tratamento da obesidade.

Saiba mais:
Peso Saudável
Prevenção da obesidade
Redução de intestino
Gastroplastia
Cirurgia de redução de estômago contra a Cirurgia de redução estômago contra a obesidade - Bariátrica
Banda Gástrica
Lipoaspiração para emagrecer?
Blefaroplastia
Redução de intestino
Obesidade - Emagrecimento matemático - Gordura Localizada e Culote
Obesos e Cirurgia de Redução de Estômago
Lipoaspiração - Riscos e complicações
Obesidade Mórbida
Riscos da obesidade para a saúde
Tratamento da obesidade
Tabela de peso ideal pelo IMC
IMC para crianças e adolescentes
Conseqüências da obesidade
Índice de Massa Corporal - IMC - Peso Saudável e ideal
Gordura abdominal masculina e feminina - Causas, tratamento, como perder, tratamento e dieta



Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


comments powered by Disqus

Assine o nosso boletim e saiba quando forem publicados artigos
Seu e-mail aqui:

Oferecido por FeedBurner

Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Créditos:
Tradução: © 2008, Hélio Augusto Ferreira Fontes.
Este artigo está licenciado sob a GNU Free Documentation License (www.gnu.org/copyleft/fdl.html). Usa material do artigo da Wikipédia "Obesity" (en.wikipedia.org/wiki/Obesity).