Copacabana Runners

Vaginismo

O que é vaginismo

O vaginismo é uma condição que afeta a capacidade da mulher tomar parte em qualquer forma de penetração vaginal, incluindo relação sexual vaginal, colocação de absorvente interno e penetrações relacionadas a exames ginecológicos. O vaginismo é resultado de um condicionamento reflexo do músculo pubococcígeo, que faz com que a vagina tencione subitamente tornando qualquer forma de penetração vaginal dolorida ou impossível. Um mulher com vaginismo não controla conscientemente o espasmo muscular. O severidade do vaginismo e dor durante a penetração variam de mulher para mulher.

Vaginismo primário

O vaginismo primário ocorre quando a mulher nunca foi capaz de ter relação sexual ou qualquer tipo de penetração vaginal. Alguns fatores que podem causar vaginismo primário são:
* Abuso sexual.
* Achar que o sexo é vulgar ou imoral.
* O medo da dor associada à penetração, particularmente aquela associada ao rompimento do hímen na primeira tentativa de penetração sexual.

Vaginismo secundário

O vaginismo secundário ocorre quando a mulher, que era capaz de ter penetração vaginal, desenvolve vaginismo. Isso pode ser devido a causas psicológicas ou físicas, como infecção por candidíase ou trauma durante o parto.

Tratamento do vaginismo

Há uma variedade de fatores que podem contribuir para o vaginismo, que podem ser físicos ou psicológicos. O tratamento pode depender das causas do vaginismo. Como cada caso é diferente, o tratamento deve ser individualizado. 

Tratamento psicológico do vaginismo

De acordo com estudos, as principais causas do vaginismo são medo de dor no sexo, barreiras religiosas para o sexo e experiências traumáticas na infância (não necessariamente de natureza sexual). É importante registrar os aspectos psicológicos do problema, assim como o espasmo muscular. A mulher pode escolher descrever a questão psicológica em seus próprios termos, ou buscar ajuda de um psicoterapeuta.

Tratamento físico do vaginismo

O tratamento físico dos espasmos pode incluir exercícios, exploração da vagina pelo toque, e uso de dilatadores vaginais. Ao tratar os espasmos com dilatadores vaginais, esses gradualmente aumentam de tamanho à medida do progresso.

Sexualidade da mulher com vaginismo

Em mulheres com vaginismo a penetração sexual é dolorosa ou impossível, entretanto elas podem participar de outras atividades sexuais desde que a penetração seja evitada. Muitas mulheres com vaginismo desejam ter relação sexual com penetração, porém são impedidas pela dor ou pelo impacto emocional de cada tentativa.

Masturbação na mulher com vaginismo

Um dos problemas da mulher com vaginismo é que ela pode ficar temerosa de participar de atividades sexuais devido ao medo da dor com qualquer tipo de penetração sexual. A masturbação, com o sem penetração, pode aliviar esse medo, assim como a pressão sobre sua performance com um parceiro. Apesar da crença popular, o orgasmo não precisa ser o objetivo da masturbação. Pode-se realizar a masturbação simplesmente para explorar as várias sensações através do toque genital e no clitóris.






comments powered by Disqus

Assine o nosso boletim e saiba quando forem publicados artigos
Seu e-mail aqui:

Oferecido por FeedBurner

Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Doenças sexualmente transmissíveis - DST:
Hepatite B
Hepatite A
Tipos de Hepatite
Epididimite aguda e crônica
DSTs na gravidez
DSTs - Testes, diagnóstico, tratamento e prevenção
DSTs mais comuns, sintomas
Tipos de DST
Doença inflamatória pélvica - Causas, sintomas e complicações
Doença inflamatória pélvica - Diagnóstico, tratamento e prevenção
Herpes genital masculina e feminina - O que é, causas, diagnóstico, transmissão
Herpes genital tem cura? Como prevenir e tratamento
Gonorréia - Sobre tratamento, prevenção, sintomas da doença
Herpes - Cura e tratamento
Herpes - Contágio e prevenção
Herpes simplex - Labial, neonatal, genital, tipo 1 e 2 - Sintomas
Herpes genital - Sintomas, tratamento

Os perigos do beijo na boca
Dicas para corredores portadores do HIV
Transmissão vertical do HIV controlada
Camisinha e AIDS - Eficiência dos preservativos contra o HIV
HIV e AIDS - Qual a diferença?
HIV Positivo e sintomas da AIDS
Tratamento para HIV / AIDS
Mulher e AIDS - Orientações para mulheres com HIV
HIV e sua transmissão - Beijo, saliva, lágrimas, suor, picadas de insetos
Transmissão do HIV - Sexo oral e AIDS
Vírus HIV
Cura da AIDS e Prevenção - Pesquisas para vacina e microbicidas
Vacina para HIV / AIDS
HIV e AIDS - Você está sob risco? O que é, como se proteger e teste
Sífilis - O que é, tratamento, na gravidez
Sífilis primária, secundária e terciária - Sintomas
Sífilis - Prevenção, tratamento, congênita
Uretrite - O que é, causas, sintomas e tratamento
Cervicite - O que é, causas, sintomas e tratamento
Clamídia
Condiloma Acuminado ou Verruga Genital
Infecção HPV – Papilomavírus Humano - O que é, tratamento, sintomas, cura
AIDS - Transmissão e prevenção do HIV
HPV no homem - Infecção anal entre homens
Proteção contra HPV
Candidiase Genital

Artigos relacionados:
Namoro Saudável
Sexologia feminina
Ejaculação precoce - Como cuidar, controlar, exercícios para evitar e cura
Sexualidade feminina e prazer sexual da mulher
Vida sexual ativa, sexo e saúde
Camisinha feminina ou preservativos femininos
Preservativo masculino
Violência e abuso sexual
Camisinha masculina
Pílula anticoncepcional
Anel Vaginal Contraceptivo
Estresse e sua saúde
Dor na Relação Sexual e Saúde Sexual Feminina
Disfunção Erétil, Impotência Sexual e Frigidez Feminina
Sexo na terceira idade, Sexologia, Terapia Sexual, do que as mulheres gostam
Masturbação masculina e feminina
Frigidez Feminina

Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Créditos:
Tradução: © 2008, Hélio Augusto Ferreira Fontes.
Este artigo está licenciado sob a GNU Free Documentation License (www.gnu.org/copyleft/fdl.html). Usa material do artigo da Wikipédia "Vaginismus" (en.wikipedia.org/wiki/Vaginismus).