Motivos para avaliar a Gordura Abdominal

A gordura abdominal é um dos principais riscos a nossa saúde. É conhecida também como gordura visceral por se encontrar próxima dos principais órgãos do corpo (fígado, intestino, rins e pâncreas) e pode ser responsável pelo aparecimento das doenças como diabetes, doenças cardiovasculares, hipertensão arterial, entre outras.

PUBLICIDADE

Causa Diabetes
As células de gordura que se estocam na região abdominal costumam ser bem ativas. Nessa região elas fabricam substâncias que desequilibram nosso organismo e podem até migrar para outros lugares, um deles, o fígado. Ali, está por trás das alterações que deixam essa glândula confusa, produzindo a glicose em excesso. Neste cenário, o pâncreas (com a insulina) tenta incansavelmente colocar todas essa produção de glicose para dentro das células. Mas toda essa gordura armazenada na região abdominal libera também ácidos graxos, que impedem a ação correta da insulina (resistência insulínica). Assim, como esta não consegue cumprir sua missão corretamente, o açúcar sobra no sangue gerando, então, a diabetes tipo II.

Hipertensão
Quando há tanta glicose na corrente sanguínea, o que gera a gordura abdominal, o organismo aumenta cada vez mais a produção de insulina na tentativa de resgatar esta glicose e levá-la ao interior das células. Este trabalho nosso corpo faz até não dar mais conta, e para este trabalho ocorrer deve haver a contração dos vasos sanguíneos para que circule as substâncias necessárias. E, devido à esta contração freqüente, a pressão se eleva.

PUBLICIDADE

Aumenta o risco de infarto e derrame
O tecido adiposo localizado na região abdominal contém células que produzem substâncias inflamatórias que acabam causando doenças cardiovasculares. Indivíduos que possuem maior concentração de gordura nesta região tendem a ter mais gordura na circulação, ou melhor, células de gorduras que contém as temíveis moléculas do colesterol LDL (o colesterol “ruim”). Assim, facilmente elas podem se alojar nos vasos sanguíneos, oxidando e acarretando um processo inflamatório. Em meio à esses alojamentos de placas de gorduras nos vasos ocorre o fechamento da passagem de sangue, o que, inevitavelmente, causa os infartos e derrames.

Indica a obesidade
Claro que não é ter apenas uma barriguinha que poderá considerar um indivíduo obeso. Mas diante de todas a evidência científicas, sabe-se que a concentração de gordura na região abdominal, é hoje um excelente indicador de sobrepeso e obesidade, chamada de “obesidade visceral ou abdominal”. Assim, prevenir este acúmulo de gordura nesta região, principalmente ,pode não só diminuir o risco da obesidade, como também de suas comorbidades, descritas anteriormente e evitar a temida “ SINDROME METABÓLICA” .
A mudança de estilo de vida, incluindo a prática de hábitos alimentares saudáveis, prática regular de exercícios físicos, assim como a avaliação freqüente de exames laboratoriais e da composição corporal segmentada pode alertar e orientar quais medidas necessárias para prevenir estas doenças e promover a saúde.

PUBLICIDADE


Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Créditos:
Texto: © 2009,
Dra. Roseli Rossi - Nutricionista Especialista em Nutrição Clínica - CRN - 2084 - Site: Equilíbrio Clínica Nutricional

Artigos Relacionados:
Resistência à insulina
Índice de Massa Corporal - IMC - Peso Saudável e ideal
Pressão alta ou hipertensão arterial
Hábitos Saudáveis de Vida
Diabetes tipo 1, 2 e gestacional
Riscos da obesidade para a saúde
Riscos de doenças cardíacas
Pressão alta e corrida - Hipertenso pode correr?
Hipertensão e exercícios físicos
Precisão relativa do IMC
Diabetes tipo 1 - Alternativa de tratamento
Diabetes insipidus - O que é, sintomas, diagnóstico
Diabetes - Sintomas e diagnóstico
Diabetes - Tratamento
Diabetes - Prevenção
Diabetes - Fatores de risco
Diabetes e pré-diabetes - O que é, sinais, tipos
Diabetes e doenças cardíacas
Diabetes
Exercícios Físicos e Diabetes
Mantendo a forma com diabetes - Exercícios físicos para diabéticos
Viver bem com diabetes
Diabete Infantil e Alimentação
Triglicerídeos e colesterol total
Tipos de colesterol
Colesterol baixo
Colesterol VLDL
Pressão alta - Sintomas, diagnóstico e tratamento
Pressão alta - causas, prevenção e fatores de risco
Hipertensão, colesterol, doenças cardiovasculares e como baixar a pressão
Correr para benefícios cardiovasculares
Colesterol alto - Diagnóstico
Colesterol alto - Sintomas e causas
Sintomas e Diagnóstico do Colesterol Alto
Colesterol - O que é
Colesterol
Percentual de gordura em corredores
Dieta para manter o peso
Dieta para perder kg
Tabela de peso ideal pelo IMC
IMC para crianças e adolescentes
Cirurgia Cardíaca
Cirurgia das coronárias - Ponte de safena, ponte mamária
Hidroclorotiazida
LASIX ® - Diurético furosemida para edemas e hipertensão
Furosemida - Lasix ®
Ascite ou barriga d'água - Causas, tratamento
Diuréticos
Índice de massa corpórea normal e risco de hipertensão
Exercícios abdominais
Gordura abdominal masculina e feminina - Causas, tratamento, como perder, tratamento e dieta

Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar: