Suplementos alimentares e corredores

Pergunta: Suplementos alimentares podem ajudar o corredor?

Resposta do Professor Carlos Gomes Ventura

Suplementos alimentares, como o nome já diz são destinados no complemento de uma dieta alimentar. Os complementos alimentares são indicados para suprir a falta de carboidratos, vitaminas, proteínas e fibras.

São recomendáveis para corredores desde que indicados por um médico, um fisiologista e um endocrinologista. Não devem ser confundidos com hormônios sintetizados que podem alterar o processo metabólico do atleta. No caso de fundistas eles são indicados para equilibrar o organismo com carboidratos e eletrólitos.

Normalmente o corredor tem um processo de sudorese muito intenso perdendo desta forma um porcentual muito grande de eletrólitos que são compostos de cálcio, cloro, magnésio e sulfatos, todos eles necessários na reposição hídrica. O atleta através de uma ingestão indicada de suplementos pode evitar e prorrogar a chegada do cansaço.

Os suplementos alimentares sempre devem ser usados, insisto quando indicados por um profissional competente alguns corredores fazendo uso inadequado de suplementos prejudicam o seu desempenho. Como treinador acredito que o uso de suplementos alimentares são totalmente indicados para uma melhor performance do atleta.

Carlos Gomes Ventura (Carlão)
Telefone: (11)3686-5384 - blog: carlosventura8085.blogspot.com - e-mail: cgventura@uol.com.br

PUBLICIDADE

Livro
Manual do Corredor - A Grande Pirâmide

Manual do corredor - Carlos Ventura - clique aquiCarlos Ventura é um dos treinadores brasileiros de maior sucesso. Em seu novo livro, Carlão responde às indagações mais comuns entre nós corredores. A sabedoria de décadas de experiência do Carlão são passadas de forma simples e clara para corredores de todos os níveis de performance.
Saiba mais sobre o livro...


Resposta do treinador Nilson Duarte Monteiro

Ajudam, mas até certo ponto, pois a maioria está batizada com substâncias ilícitas para o esporte. Sei que a declaração é forte, mas os números de mortes súbitas estão aumentando assustadoramente.

Deixa eu explicar para que não pairem dúvidas sobre minhas declarações, que são só minhas, diferentemente da grande maioria dos técnicos.

Desde que sugiram esses suplementos eu fiquei com um pé atrás. Muitos atletas, ou melhor, 99% deles, depois que começaram a tomar essas porcarias, melhoraram a performance de forma assustadora. Mas, em compensação a vida útil de cada um diminuiu barbaridade, ou seja, antes o atleta de alto rendimento tinha uma vida útil de quinze a vinte anos. Hoje, um atleta de alto rendimento tem seu auge por no máximo 5 anos, lógico, tem algumas exceções, tipo, Haile Gebrsalassie, Paul Tergat, podemos contar nos dedos das mãos os atletas longevos e sobrar dedos.

Esses suplementos aceleram o desenvolvimento do atleta, ou seja, antigamente um atleta levava, sem essas porcarias, 5 anos para ficar em forma para o alto rendimento. Hoje, no máximo em 2 anos o cara já está apto a agüentar treinos fortíssimos, mas em compensação sua vida útil cai para poucos anos. O atleta atual, tomando esses suplementos, agüentam treinos fortíssimos sem um lastro adequado, pois antigamente o atleta era sustentado por uma alimentação saudável, uma dieta rica, o que segurava o desenvolvimento dele, fazendo com que se trabalhasse mais o lastro. Hoje não, o cara se entope dessas porcarias, que mascara o cansaço, fazendo com que ele se esforce mais e em curto espaço de tempo, levando-o a um desgaste prematuro.

Quem acompanha os noticiários, deve ter notado o aumento de números de casos de doping e, a grande maioria nem sabe porque foi pego, e juram de pés juntos que nunca tomaram nada de ilícito, ou seja, muitos na verdade são doping involuntários, originários de substâncias proibidas que esses suplementos contém e que não são declarados na bula. Pensem comigo, vocês acham que esses suplementos são apenas proteínas, vitaminas, etc e tal? Seríamos muito ingênuos se acreditássemos numa balela dessa, pois é lógico que essas porcarias contém substâncias ilícitas, se assim não fosse, o desenvolvimento atlético não se daria de forma tão rápido como vemos.

Uma vez estive conversando com o Dr. Eduardo De Rose, autoridade mundial em doping, e ele me disse que os Órgãos Mundiais de Combate ao doping, sugeriram aos laboratórios fabricantes de suplementos que marcassem de alguma forma as substâncias proibidas contidas neles, para facilitar o trabalho dos laboratórios de análises de doping. Sabe o que disseram? Que não iam fazer, pois os produtos fabricados por eles estavam livres de substâncias proibidas. Mas, todos nós sabemos que não é verdade, pois é só freqüentar qualquer academia de ginástica que veremos absurdos em matéria de suplementação. Além do que, se eles fizerem isso estarão dando um tiro no pé, uma vez que quem toma acha que está melhorando o rendimento, acha não, está. Aí o colega do aparelho do lado vê o progresso do cara e resolve tomar também, e isso vira uma bola de neve e quem ganha com isso é o laboratório fabricante, que vai vender uma barbaridade, faturar milhões.

Muitos médicos dizem, e as autopsias confirmam, que essas mortes súbitas que vem acontecendo com freqüência são causadas por problemas cardíacos, mas nenhum deles estudou o caso com mais profundidade, só sabem dizer que é mal congênito. Deveriam investigar a vida pregressa do desafortunado, e veriam que o sujeito era, na maioria das vezes, usuário de suplementação alimentar, que tomava essas porcarias para se exercitar, aí exagerava na dose de exercícios forçando o coração a um stress, que com o tempo o levaria a um colapso, pois esses suplementos mascaram o cansaço, o aviso do corpo pedindo para parar.

Eu sempre fui e sempre serei contra a ingestão dessas porcarias. Ah, tem outro detalhe, vicia. Vicia mesmo, pois conheço muitos atletas que não vivem sem. O dia em que não tomam, ficam dizendo que estão se sentindo fracos, desanimados, etc. Tem outro detalhe importante, a dose. Neguinho começa tomando, vamos dizer, 3 pílulas de BCAA como recomenda a bula do produto. Com o tempo passam a tomar 4, pois acham que não está mais fazendo efeito, aí vão aumentando a dose e assim vai. É muito triste, pois estão trocando uma alimentação balanceada por porcaria sintética.

Resumindo minha ladainha, é preferível uma alimentação saudável e um rendimento atlético razoável, do que um rendimento espetacular e uma saúde duvidosa.

É isso, pensem bem antes de tomarem uma decisão: vale a pena!?


PUBLICIDADE


Resposta do Professor Luis Tavares

Suplementos alimentares ajudam, principalmente em provas mais longas como maratonas onde o gasto energético é extremo e um suplemento como gel, barras, com certeza estará contribuindo e repondo o que está sendo perdido, evitando dessa forma uma perda considerável na performance.

Porém vale lembrar que o corredor deve evitar de fazer experiências no dia da prova, ou seja, não adianta comer ou tomar algum suplemento na prova, se ele não experimentou durante seus treinamentos ( adaptando), caso contrário o que poderia ser usado como grande aliado em sua performance, pode gerar problemas como mal estar, ou desarranjo e prejudicar a sua prova. Por isso que qualquer produto que for usar, experimente durante pelo menos 15 dias antes da prova.

Professor Luis Tavares
Telefone: (11)3159-8456 - e-mail: e.c.tavares@uol.com.br - site: https://www.ectavares.com.br

PUBLICIDADE

Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Artigos relacionados:
Vitaminas - Vitamina B, B1, B2, B12, D, C, K, A, E, beta-caroteno
Sais Minerais e saúde - Ferro, Cálcio, Fósforo, Iodo, Magnésio
Vitaminas para o cabelo Emagrecer rápido não é saudável
Dicas simples para ajudar a emagrecer
Plano para emagrecer
Saiba porque é preciso manter o peso dentro da normalidade - Coma para viver e não viva para comer
Como Manter o Emagrecimento
Como Perder Peso
Suplementos Protéicos X BCAA
Suplementos para bodybuilding e musculação
Treino depois de festas
Ressaca
Vitamina A - Importância, fontes, deficiência, excesso
Vitaminas do complexo B - B1, B2, B3, B5, B6, B7, B9, B12
Vitamina C - Falta, excesso, função, importância, fontes e alimentos ricos
Vitamina D - Fontes, alimentos ricos, deficiência, excesso, importância
Vitamina E - Fontes, alimentos ricos, deficiência
Vitamina K - Deficiência, importância, fontes e alimentos ricos
Vitaminas das frutas - Laranja, banana, kiwi
Fontes de vitaminas
Alimentos com suas vitaminas A, B, C, E, D, K
Barras Energéticas
Suplementos a base de aminoácidos e qualidade dos cabelos
Suplemento jack3d pode ter matado corredora na Maratona de Londres
Suplementos Alimentares - Quem tem mania joga dinheiro no lixo e prejudica a saúde
Suplementos alimentares são recomendados para ganhar massa muscular com a musculação?

VoltarVoltar

Use essa ferramenta abaixo pesquisar nesse site:  

Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar: